Casagrande decide não apoiar ninguém para presidente

Anúncio pela neutralidade do governador eleito contraria decisão do diretório nacional do PSB

Renato Casagrande (PSB), governador eleito do Estado, optou por não dar apoio nem a Fernando Haddad (PT), tampouco a Jair Bolsonaro (PSL) na corrida para a presidência da República. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira.

“Vou manter minha posição de equilíbrio. A maior parte dos meu votos no primeiro turno foi de gente que votou no Bolsonaro e no Haddad. Mesmo que o partido tenha posição, eu tenho que respeitar esses votos e os interesses do Espírito Santo”, disse.

A decisão do futuro governador contraria a decisão de seu próprio partido. O diretório nacional do PSB definiu hoje que irá apoiar o candidato petista.